Lançamento do livro "Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?” em Braga

Alerta Premika Capas 6 nov premika 6 dez17 2 premika 6 dez17 1

Lançamento do livro "Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?”, o primeiro volume da coleção – Alerta Premika! Risco online detetado – um livro infanto-juvenil do Instituto de Apoio à Criança.

6 de dezembro (4ºf.) 18.30, Braga

Junte-se a nós e venha conhecer a Marta, o Manel, o Tiago e a Premika, um ser meio robótico meio humano que tem super poderes e cuja missão, codificada no seu biochip, é: ajudar todas as crianças do mundo a lidar com a tristeza, a frustração, o medo e a solidão, tornando-as mais confiantes em si próprias.

Vamos conversar, também, sobre as “Crianças e a Internet, riscos e oportunidades”.

Contamos com a sua presença e participação!

Jornal Público : notícia sobre o livro "Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?”

Alerta Premika Capas 6 nov

Notícia do Público de 18 de novembro de 2017.

"Bárbara Wong

Premika é meio-robô e meio-humana, e quer ajudar as crianças a ser mais confiantes - Instituto de Apoio à Criança lança colecção de livros e promove acções nas escolas sobre os riscos da Internet
Foi com mais frequência que começaram a chegar à linha SOS Criança (217 931 617, ou pelo número gratuito 116 111) chamadas sobre bullying e de cyberbullying na escola. Foi a partir destes "pedidos de ajuda e de denúncias" que o Instituto de Apoio à Criança (IAC) começou a pensar em "instrumentos que pudessem, de forma lúdica e pedagógica, ajudar os miúdos a pensar sobre estas coisas", explica Cláudia Manata, professora a trabalhar na associação responsável por esta linha. Foi assim que a docente se associou à autora Raquel Palermo e à investigadora Teresa Sofia Castro e, juntas, criaram o projecto "Alerta Premika! Risco online detectado". O primeiro livro é apresentado neste sábado, às 16h, na livraria Barata, em Lisboa.
Premika, um ser que é meio-robô e meio-humano, nasceu da vontade das autoras de ajudar os mais novos, os do 1.º e 2.º ciclo, a lidar com os desafios da Internet. A personagem, desenhada pela ilustradora Joana M. Gomes, que só os mais pequenos vêem e que muda de cor conforme o estado de espírito da criança, surge com o propósito de os ajudar, sem nunca falar, mas conseguindo fazer-se compreender. A sua missão é que as crianças saibam lidar com sentimentos como a solidão, o medo, a tristeza ou a frustração. "A ideia é que percebam que há riscos na Internet e como podem evitá-los", sublinha Cláudia Manata.
Este é o primeiro livro de uma colecção. O segundo já está a ser ultimado. E a intenção é que sejam trabalhados nas escolas ou em casa, por exemplo, numa
leitura partilhada entre pais e filhos, antes de deitar. Raquel Palermo explica ao PÚBLICO como funcionam os livros: o leitor, ao longo da história, vai deparando-se com várias escolhas, decide a que quer seguir (o que significa que tem de ir até à página indicada para continuar a ler) e, cada uma dessas opções levam a fins diferentes. O objectivo é que as crianças reflictam sobre os caminhos que podem seguir. Quanto aos pais, o livro tem como propósito alertá-los para a necessidade de acompanharem os filhos – no final há um capítulo com dicas para navegar com segurança na Internet; e um glossário.
"Não faz sentido estar a discutir se o telemóvel deve ou não entrar na sala de aula. Temos é de ajudar e preparar [os mais novos] para saberem usá-lo da melhor maneira, para não serem enganados porque senão não vão saber exercer bem a sua cidadania", declara Raquel Palermo, co-autora da colecção Caderno de Memórias de Difícil Acesso, sobre as aventuras e desventuras do adolescente Santiago Castelo, onde o bullying também marca presença   
Antes da escrita dos livros, Teresa Sofia Castro fez um estudo qualitativo com entrevistas e observação a 22 famílias, que tivessem filhos entre os 3 e os 8 anos, onde observou como eram usadas as novas tecnologias na família. "Fui recebendo pistas interessantes", diz a investigadora da Universidade do Minho. É a partir dessas que as histórias nascem. "Muitos dos diálogos são reais, mas adaptados e estes dão-nos consciência de como eles lidam com estas coisas", continua Cláudia Manata, acrescentando que se pretende transmitir que "a Internet é boa, mas que é preciso saber usá-la em segurança".
Além dos livros, as autoras criaram uma boneca, a Premika, que irá às escolas; um jogo de tapete em que os alunos são os peões e têm de fazer escolas; e existe ainda o blogue Alerta Premika onde as escolas, pais e alunos podem ir para colocar dúvidas ou saber mais coisas sobre redes sociais e não só."

 

 

Lançamento do livro "Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?”

Alerta Premika Capas 6 nov Alerta Premika convite lancamento barata 04

Lançamento do livro "Ameaça nas redes sociais! E agora, Marta?”, o primeiro volume da coleção – Alerta Premika! Risco online detetado – um livro infanto-juvenil do Instituto de Apoio à Criança, apresentado por Cristina Ponte, docente da Universidade Nova de Lisboa e coordenadora do projeto EU Kids Online Portugal.

18 de novembro (sábado) - 16h00 - Livraria Barata, Lisboa

Junte-se a nós e venha conhecer a Marta, o Manel, o Tiago e a Premika, um ser meio robótico meio humano que tem super poderes e cuja missão, codificada no seu biochip, é: ajudar todas as crianças do mundo a lidar com a tristeza, a frustração, o medo e a solidão, tornando-as mais confiantes em si próprias.

Vamos conversar, também, sobre as “Crianças e a Internet, riscos e oportunidades”.

Contamos com a sua presença e participação!

Apresentação do jogo pedagógico “Refugiados”

O IAC e a editora Ideias com História apresentaram o jogo pedagógico “Refugiados” no passado dia 20 de junho no Parque Urbano – Quinta da Marialva, em Corroios.

Nota de imprensa (pdf)

Programa: 

programa lancamento

 Fotos do Evento:

jogo refugiados1 web jogo refugiados2 web jogo refugiado lancamento refugiados1 web jogo refugiado lancamento refugiados2 web

 

Exposição nas montras do Ministério da Educação

Na sequência do convite endereçado ao Instituto de Apoio à Criança pela Secretaria-Geral do Ministério da Educação, a Direção do IAC considerou de grande interesse a participação do IAC no programa de dinamização de Montras do Centro de Informação e Relações Públicas (CIREP) do Ministério da Educação para a divulgação de atividades e projetos do IAC de maior significado.

A responsabilidade da organização desta exposição nas Montras do Ministério da Educação foi entregue ao sector IAC-CEDI (Centro de Estudos, Documentação e Informação sobre a Criança). Desta forma, durante todo o mês de junho de 2017 pode ser apreciada a exposição “Instituto de Apoio à Criança” composta por diversos materiais: cartazes, publicações, brinquedos, trabalhos realizados por crianças e outros que representam as atividades de vários sectores do Instituto.

As montras estão situadas nas instalações do Ministério de Educação (CIREP) da Avenida 5 de Outubro, nº 107 em Lisboa.

  montras iac 2017 2 montras iac 2017 1

 

Newsletter TALE

Leia aqui os números da Newsletter deste projeto europeu:

 T.A.L.E. Newsletter n.º1

capa newletter 1

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IAC nas montras do Ministério da Educação

Na sequência do convite endereçado ao Instituto de Apoio à Criança pela Secretaria-Geral do Ministério da Educação, a Direção do IAC considerou de grande interesse a participação do IAC no programa de dinamização de Montras do Centro de Informação e Relações Públicas (CIREP) do Ministério da Educação para a divulgação de atividades e projetos do IAC de maior significado.

A responsabilidade da organização desta exposição nas Montras do Ministério da Educação foi entregue ao sector IAC-CEDI (Centro de Estudos, Documentação e Informação sobre a Criança). Desta forma, durante todo o mês de novembro de 2016 pode ser apreciada a exposição “Instituto de Apoio à Criança” composta por diversos materiais: cartazes, publicações, brinquedos, trabalhos realizados por crianças e outros que representam as atividades de vários sectores do Instituto.

As montras estão situadas nas instalações do Ministério de Educação (CIREP) da Avenida 5 de Outubro, nº 107 em Lisboa.

 montras 2016 1montras 2016 2

 

Colóquio Internacional Crianças, Cidade e Cidadania – com a participação de Maria João Malho do IAC

coloquio maria joao

A Dr.ª Maria João Malho (Técnica do CEDI do IAC – Centro de estudos, Documentação e Informação Sobre a Criança do Instituto de Apoio à Criança), irá participar no painel temático “Cidade, Mobilidade e Educação”.

Mais informações no link:

http://www.adcl.org.pt/ciccc/index.php

Peça já a sua AGENDA IAC 2016 – Pela Defesa e Promoção dos Direitos das Crianças!!!

Agendas 0

A Agenda  IAC 2016 está disponível  para aquisição (5 euros), bastando enviar o seu pedido para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.. Até 4 agendas inclusive não há custos de envio. Para envios a partir de 5 agendas acrescem portes de 3.25€.

 

A Agenda é um presente de Natal bonito, útil, pedagógico, divertido, económico e solidário!
Peça já a sua!

 

 

Lançamento da Agenda IAC 2016 em Lisboa

O Instituto de Apoio à Criança irá fazer o lançamento da AGENDA IAC 2016 – Pela Defesa e Promoção dos Direitos das Crianças no próximo dia 28 de novembro, sábado, pelas 16 horas, no Centro Ismaili, sito na Avenida Lusíada nº 1, Lisboa (perto da Loja do Cidadão, nas Laranjeiras).
Esta sessão conta com a presença de António Torrado, Fernando Cardoso, Margarida Fonseca Santos, Luísa Ducla Soares, Sara Rodi, Sílvia Alves, Raquel Palermo, Tiago Amador e de Cláudia Manata (IAC), sendo moderada pela Prof.ª Dra. Lídia Marôpo, Investigadora na área dos Direitos da Criança e Professora Adjunta no Instituto Politécnico de Setúbal.

A Tertúlia integra alguns momentos culturais dinamizados por crianças e jovens.

Contamos com a sua presença e participação!

Solicita-se confirmação para Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

A Agenda do IAC 2016 não é uma agenda como as outras: é uma agenda útil e pedagógica, pois, para além de permitir lembrar tarefas futuras, anotar compromissos, planear o dia, a semana e o mês, registar ideias ou lembrar datas especiais, como é próprio de todas as agendas, contém, também, dicas de segurança que pretendem levar crianças e adultos a reconhecer situações de risco para as crianças e ajudar a evitar/prevenir essas situações (utilização da internet, a proteção da imagem, o bullying, o cyberbullying, segurança nas férias e prevenção de abusos sobre a criança). A abordagem destas temáticas será complementada por  jogos lúdico - pedagógicos. A par desta vertente pedagógica, a Agenda IAC 2016 proporciona agradáveis momentos de leitura através de  maravilhosos poemas e contos da autoria de escritores portugueses como Alice Cardoso, António Torrado, José Fanha, Fernando Cardoso, Luísa Ducla Soares, Margarida Fonseca Santos, Raquel Palermo, Sara Rodi e Sílvia Alves.

Convite

Largo da Memória, 14, 1349-045 LISBOA +351 213 617 880Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.