Dia Mundial da Criança no Bairro Alfredo Bensaúde

O dia 1 de junho foi dia de festa no Bairro Alfredo Bensaúde. Os parceiros locais uniram-se para proporcionar às crianças daquela comunidade um dia especial, repleto de cor e alegria. Para além dos variados ateliers de animação (jogos, música, pintura de um cartaz e pinturas faciais), foi dado também uma especial atenção ao meio ambiente. Com o objetivo de tornar esta comunidade mais bonita e de sensibilizar as crianças e população em geral para a preservação dos espaços verdes, foram colocados 4 vasos feitos de pneus reciclados, pintados de cores coloridas, cada um com uma planta. Estes vasos ficaram distribuídos pela entrada da Gebalis, junto à unidade móvel do IAC e no patamar do Projeto ABS+Vida. Com o envolvimento das crianças na plantação e na decoração destes vasos, estamos convictos que os mesmos serão preservados e as plantinhas cuidadas por todos.
Foi neste contexto animado e de sensibilização ambiental, que cerca de 70 crianças de todas as idades (dos 4 aos 15 anos) participaram e desfrutaram das atividades que uma vasta equipa organizou em sua homenagem!

aa bb

cc dd

Reportagem TVI : Meninos Invisíveis

reporter tvi prua 1

 

No dia 1 de junho, dia da criança, foi exibido na TVI, no jornal da noite, a reportagem intitulada ""Meninos invisíveis", da autoria da jornalista Ana Leal.

Nesta reportagem podemos acompanhar, entre outras questões, o trabalho da equipa de rua do Projecto Rua do IAC.

Link do vídeo

 

 

Dia Internacional da Criança Desaparecida

Na Escola EB 1 / Jardim de Infância do Condado, do Agrupamento Escolas Luís António Verney a equipa do Centro de Desenvolvimento e Inclusão Juvenil – Zona Oriental, do Projecto Rua assinalou o Dia Internacional da Criança Desaparecida.
As crianças pintaram um miosótis de cartolina, escreveram uma mensagem e fizeram uma largada de balões.
Esta atividade foi enquadrada com uma sessão sobre a problemática em causa, evidenciando a importância de adotar comportamentos preventivos.
Balões e crianças, são por tradição ingredientes que trazem muita alegria! Assim aconteceu no Bairro do Condado!!!

Ana Isabel Carichas

 crianca miosotis 1 crianca miosotis 2

crianca miosotis 3 crianca miosotis 4

crianca miosotis 5

 

 

 

Conferência final do projecto Catch & Sustain

catch sustain

 

No passado dia 26 de março decorreu em Bruxelas a conferência final do projecto CATCH & SUSTAIN - “European Cross-Actors Exchange Platform for Trafficked Children on Methodology Building for Prevention and Sustainable Inclusion”.

Estiveram presentes cerca de 50 participantes, incluindo Eurodeputados, representantes de ONG's que actuam na área da infância, autoridades regionais e locais, representantes dos Estados-Membros junto da UE, peritos, media e os parceiros do projecto. O IAC esteve representado pelas técnicas Paula Paçó, Isabel Porto e Maria João Carmona.
Foram abordadas as diferente fases do projecto, apresentados os seus resultados e disseminado o principal produto: um programa de formação na área da prevenção do tráfico de crianças.
Foi ainda dinamizada uma mesa redonda acerca da protecção e prevenção de crianças em risco de tráfico como um desafio para a UE e os Estados-Membros.

Press Release da conferência final de 26 de março de 2015

Manual de Formação para prevenção de TSH

 

IAC recebe interlocutores do ISS – Unidade de Apoio a Programas para acompanhamento aos Projectos PIEF

No âmbito do Programa PAOPIEF – ano letivo 2013-2014, o IAC, enquanto entidade beneficiária de financiamento, recebeu os interlocutores do ISS – Unidade de Apoio a Programas, para realizar a visita de acompanhamento aos Projectos PIEF.

p7250003

p7250007

Encontro “Fórmula PIEF: garantia para o futuro”

pief

A Fundação “O Século”, em parceria com as entidades beneficiárias de financiamento do Programa de Apoio e Qualificação da Medida PIEF - PAQPIEF no distrito de Lisboa, a saber, Instituto de Apoio à Criança, Associação Pressley Ridge, Fundação António Silva Leal, Santa Casa da Misericórdia da Aldeia Galega da Merceana e Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, irá realizar o Encontro “Fórmula PIEF: garantia para o futuro”, o qual terá lugar no Auditório da Fundação “O Século”, em São Pedro do Estoril, no dia 23 de Maio de 2014.

Este encontro, inter-PIEFs, visa promover a missão, valores e boas práticas de um Programa nacional de inclusão escolar, que nos últimos 2 anos letivos tem procurado trabalhar com jovens em situação de risco, apostando numa lógica de articulação entre Segurança Social, escolas e entidades beneficiárias de financiamento.

 

Iniciativa “ Cadernos 2013 – das palavras aos atos”

Numa época em que as medidas de combate à pobreza e exclusão se intensificam, é igualmente importante e imprescindível ouvir e dar voz aos que se encontram em situação de maior vulnerabilidade. Assim e à semelhança do que aconteceu em 2000, em que crianças, jovens e famílias acompanhados pelo IAC – Projecto Rua puderam expressar a sua opinião, através de desenhos ou da escrita sobre a sua situação atual, os seus sentimentos e as suas expectativas face ao futuro, a ESAN (Rede Europeia de Ação Social) convidou o IAC para se associar a esta causa e voltar a colaborar na iniciativa – “CAHIERS 2000 – Le dire pour agir”.

Conscientes de que as políticas de inclusão só conseguirão produzir efeitos para as quais são criadas, se forem elaboradas e definidas conjuntamente com a população a quem se dirigem, o IAC – Projecto Rua convida todas as instituições parceiras a participar na iniciativa “ Cadernos 2013 – Das palavras aos atos”.

Os testemunhos recolhidos serão compilados e editados sob a forma de um livro, que será apresentado e entregue em Estrasburgo por ocasião do Dia Mundial de Erradicação da Pobreza e Exclusão Social a 17 de outubro de 2013.

Para mais informações contactar Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

Sebenta (pdf)

capa das palavras aos actos2013 palavrasatos

 

 

Testemunho elaborado pela ARCIL (Associação para a Recuperação do Cidadãos Inadaptados da Lousã), instituição parceira da Rede Construir Juntos, na sequência da participação desta instituição na iniciativa Cahiers 2013

Testemunho (pdf)

 


Lançamento do produto final do projeto ESCAPE: Programa de Prevenção de Violência de Rua e entre Pares

O IAC – Projecto Rua vem por este meio divulgar o produto final do projeto transnacional "ESCAPE - European Street Children Anti-Violence Programme and Exchange”, financiado pelo Programa Daphne III da Comissão Europeia, para o qual colaborámos ativamente durante os últimos 2 anos.

O projeto ESCAPE centrou-se na violência de rua e entre crianças e adolescentes migrantes ou pertencentes a minorias étnicas, que moram e/ou trabalham na rua, tanto em países da Europa Ocidental como de Leste.

Este Manual de Formação para Profissionais é o principal produto do ESCAPE e contém um “Programa de Prevenção de Violência de Rua e entre Pares” que foi desenvolvido, aplicado e validado ao longo do projeto. Este tem como objetivo a promoção de competências pessoais e sociais, pretendendo-se com o mesmo dotar as crianças e adolescentes de rua com ferramentas que os tornem capazes de prevenir e lidar com situações de violência e adotar soluções pacíficas.  

Estão disponíveis as versões digitais do mesmo em inglês e português.

Convidamo-los/as a consultarem este manual, no qual nos continuamos a basear para aplicar sessões de treino de competências pessoais e sociais junto das crianças e jovens acompanhados pelo Projecto Rua.

 

Manual em português (PDF)       Manual em inglês (PDF)

IAC – Projecto Rua continua a implementar o “Programa de Prevenção de Violência de Rua e entre Pares” do projeto ESCAPE

O “Programa de Prevenção de Violência de Rua e entre Pares” desenvolvido pelo projeto ESCAPE está a ser implementado pelas equipas de terreno do Projecto Rua, mesmo tendo o referido projeto terminado no final do ano transato.

Uma vez que a implementação-piloto deste Programa teve muito bons resultados com o grupo-alvo do Projecto Rua e como a nossa filosofia de intervenção se baseia no desenvolvimento de competências pessoais e sociais, a equipa do Projecto Rua decidiu que seria uma mais-valia continuar a usar esta ferramenta, a qual já demonstrou ser de grande utilidade e interesse.

O Centro de Desenvolvimento e Inclusão Juvenil está a implementar este Programa de Desenvolvimento de Competências Pessoais e Sociais junto de crianças em fuga e/ou em contexto de rua, sinalizados por outras entidades e identificados pela própria equipa, bem como a outros que têm medidas tutelares educativas e que são encaminhados pela DGRSP.

Para além destes grupos, o Programa também está a ser aplicado às 9 turmas PIEF com as quais o Projecto Rua está a intervir desde o início do presente ano letivo. O trabalho com estas turmas inclui o treino de competências, tendo-se adaptado o “Programa de Prevenção de Violência de Rua e entre Pares” de acordo com as especificidades das diferentes turmas.

O IAC, forte apoiante deste Programa, continua a disseminar este instrumento em Portugal e espera que seja tão útil para organizações nacionais e internacionais, tal como tem sido para nós.

fotografia

fotopr

fotopro

ptc

European Forum on Street Children 2012

O Instituto de Apoio à Criança, enquanto membro ativo da European Federation For Street Children, pretende divulgar a declaração elaborada no European Forum on Street Children 2012, que decorreu em Verona nos dias 11 e 12 de Outubro do corrente ano, sob o tema “Menores não acompanhados vítimas de violência: origens, manifestações e estratégias de prevenção para ultrapassar o fenómeno “escondido” das crianças que sofrem na sombra. Um desafio para as políticas europeias e nacionais de defesa dos direitos das crianças.”
A European Federation For Street Children é uma federação europeia, de organizações não-governamentais, com participação no Conselho da Europa e que tem por missão a melhoria das condições de vida das crianças e a concretização dos seus direitos. Para mais informações ver o Website: www.efsc-eu.org
No decorrer do Fórum, foi realizada uma reflexão/análise sobre a problemática de “menores não acompanhados vítimas de violência” e os principais enfoques para uma mudança estrutural nessa área e o desenho de políticas estratégicas elaboradas em conjunto com os Estados-Membros.
Pretendemos partilhar o resumo das apresentações realizadas no Fórum e a Declaração que compreende 3 pontos considerados imprescindíveis para o esboço de uma política europeia de abordagem comum contra a violência sobre os menores não acompanhados e cujas recomendações consideramos urgente implementar.
Largo da Memória, 14, 1349-045 LISBOA +351 213 617 880Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.