SOS-Criança – Um telefone que de forma anónima, gratuita e confidencial já ajudou mais de 116 mil crianças!

O número de telefone gratuito 116111 (SOS-Criança/ Instituto de Apoio à Criança), trabalhou no ano passado 5799 novas situações relacionadas com crianças, jovens e famílias.

Das crianças apoiadas pelos técnicos da Linha Telefónica de Atendimento SOS-Criança, 54% pertenciam ao género feminino e 46% ao género masculino.

No que diz respeito à Problemática apresentadal, na rubrica falar com alguém recebeu 64% de apelos. Relativamente a questões gerais de prevenção e apoio recebeu 25% de pedidos. As crianças em risco surgiram em terceiro lugar com 20% apelos.   A negligência a crianças vítimas, surge em quarto lugar, com 18% de apelos. Os maus tratos físicos  na família surgiram em quinto lugar com 12%.  Os maus tratos psicológicos em sexto lugar com 9% de apelos. As questões da regulação do exercício das responsabilidades parentais, em sétimo lugar com 8% dos apelos.

Lisboa encabeça a lista dos seis distritos com maior número de ocorrências que receberam apoio do SOS-Criança do IAC.

No último ano, 47% dos apelos eram de Lisboa. De Viseu 19,5% de situações, do Porto 16%, de Setúbal 11%, de Faro 4% e de Aveiro 3%.

Relatório do SOS de 2014 (pdf)

Avenida da República, n.º 21 – 1050-185 LISBOA +351 213 617 880Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.